Fechar

Entenda o que são as isoflavonas e quais os seus benefícios

Você já ouviu falar das isoflavonas? Substâncias encontradas em alimentos derivados da soja, podem ser muito benéficas para a saúde da mulher. Por terem características semelhantes ao hormônio estrogênio, atuam no corpo feminino de forma parecida e ajudam a regular diversas funções. Além disso, auxiliam no combate a doenças como osteoporose e reduzem os sintomas da TPM e menopausa.

Preparamos este post para que você saiba mais sobre as isoflavonas e entenda como incorporá-las à sua dieta! Confira:

Produtos Sem Lactose é na OneMarket
A OneMarket é o maior mercado de alimentos sem lactose e sem lácteos do país. Encontre os produtos que você ama e receba na porta da sua casa.
Quero Experimentar
Produtos Sem Açúcar é na OneMarket
A OneMarket é o maior mercado de alimentos sem açucar do país. Encontre os produtos que você ama e receba na porta da sua casa.
Quero Experimentar
Produtos Veganos é na OneMarket
A OneMarket é o maior mercado de alimentos veganos do país. Encontre os produtos que você ama e receba na porta da sua casa.
Quero Experimentar
Produtos Sem Glúten é na OneMarket
A OneMarket é o maior mercado de alimentos glúten do país. Encontre Schãr, Aminna, Belive, Casarão e outras marcas que você ama e receba na porta da sua casa.
Quero Experimentar
Conheça a OneMarket
A OneMarket é o maior mercado de alimentos saudáveis do país. Encontre snacks, alimentos a granel, suplementos e outros produtos que você ama e receba na porta da sua casa.
Quero Conhecer
O que são as isoflavonas?

Encontradas nos grãos de soja e seus derivados, as isoflavonas são substâncias chamadas fitoestrogênios. Recebem esse nome principalmente porque sua estrutura molecular é semelhante à do hormônio estrogênio.

Onde as isoflavonas são encontradas?

As principais fontes de isoflavona são alimentos derivados da soja, como missô, tofu e edamame (soja em grãos verdes). Outra boa fonte dessa substância são os “hambúrgueres” de soja, muito consumidos por quem busca ter uma dieta com menos ingestão de carne. Também são encontradas nas sementes de linhaça e em medicamentos do tipo cápsula. No caso de medicamentos, é recomendável buscar orientação médica antes de consumir.

Como podem ser consumidas?

O jeito mais fácil é inserir a soja na alimentação, substituindo a carne bovina pela carne de soja, por exemplo. Sementes de linhaça podem ser colocadas na salada. Farinha de soja pode servir de acompanhamento de diversos pratos. O tofu vai bem em lanches antes ou depois de atividades físicas, e também no café da manhã.

Quais os benefícios para a saúde?

Reposição hormonal

Por terem estruturas semelhantes ao estrogênio (hormônio produzido pelos ovários e responsável por regular o ciclo menstrual, entre outras funções), as isoflavonas podem atuar como um repositor hormonal. A vantagem é que elas provocam menos efeitos colaterais do que os hormônios sintéticos disponíveis no mercado, já que são naturais.

Antes de aumentar os níveis de isoflavonas na sua dieta diária, procure um médico.

Diminuição dos sintomas da TPM

Também por causa da sua atuação semelhante ao hormônio estrogênio, a isoflavona auxilia na redução de dores de cabeça, insônia, calores excessivos e outros sintomas associados à TPM e também à menopausa.

Redução do colesterol

A ação das isoflavonas no organismo ajuda a reduzir os níveis de LDL (conhecido como “colesterol ruim”) e aumentar os níveis de HDL (conhecido como “colesterol bom”).

Combate à osteoporose

Com a menopausa, muitas mulheres enfrentam a perda de estrogênio, que pode ocasionar o desenvolvimento da osteoporose. A diminuição desse hormônio resulta na perda de massa óssea, levando ao desenvolvimento da doença. Como a isoflavona pode ser um substituo do estrogênio, pode ajudar a combater a osteoporose.

Tem ação antioxidante

A ação antioxidante da isoflavona ajuda a combater o envelhecimento precoce da pele, pois atua diretamente contra os radicais livres, e auxilia no tratamento de inflamações e cicatrizes. Também auxilia na prevenção de doenças cardíacas.

Agora que você já conhece os benefícios das isoflavonas para a saúde da mulher, pode buscar alimentos que sejam fonte dessa substância. Vale ressaltar que o organismo não é uma máquina perfeita e precisa de diversos nutrientes para funcionar bem. Por isso, mantenha uma dieta equilibrada, com variedade de alimentos, e consulte um nutricionista sempre que precisar de orientação profissional!

Comentários

Comentário

Fechar